segunda-feira, 18 de março de 2013

DESCONHECIDA




Teus passos trouxe-te até mim
Semblante triste
Olhar cabisbaixo
Lábios selados

Tristeza insignificante diante da beleza
Sem sorriso e sem nome
COTIDIANO em correria
Você era a minha atenção

Ao piscar dos meus olhos
Te perdi, partiu sem uma palavra
Seguiu teu destino
Destino que possa te trazer novamente

Desta vez com sorriso
E faça contrastar com o verde dos olhos
Poder ouvir sua voz
Mas meus lábios o calar


Wagner Pires